Publicado por: nadioli | 20/05/2011

19 de maio de 2011

Olá,

Mudei de casa….para continuar a ler o céu da semana, agora é só se dirigir para o endereço próprio:

www.ceudasemana.com.br

te encontro lá!

Nádia Oliveira

 

Publicado por: nadioli | 19/04/2011

18 de abril de 2011

A paixão aumenta em função dos obstáculos que se lhe opõe.

William Shakespeare

Olá,

O céu desta semana destaca o planeta Vermelho: Marte.  Este planeta completa seu ciclo em aproximadamente 2 anos,  o destaque se deve porque além de ser o regente  do signo de Áries, ele atualmente também atravessa este signo.

Nada mais justo que reverenciarmos a energia, ação e paixão que este planeta simboliza.

Por isso esta semana usei e abusei do vermelho: sangue, coração e fogo!

Não deixe de assistir ao vídeo que traz um trecho do filme “300”, com uma mensagem também bastante relacionada com Marte – o deus romano da guerra.

Excelente semana e que a força inspiradora de Marte o inspire!

beijos,

Nádia Oliveira

“A autoconfiança do Guerreiro não é a autoconfiança do homem comum. O homem comum procura certeza aos olhos do observador e chama a isso autoconfiança. O Guerreiro procura impecabilidade aos próprios olhos e chama a isso humildade. O homem comum está preso aos seus semelhantes, enquanto o Guerreiro só está preso ao infinito. Carlos Castañeda (frases de seu mestre Juan Matus)

 

Céu do Momento

Muito agito nestes últimos dias do Sol transitando no forte signo de Áries, ainda mais por estar acompanhado de outros planetas: Júpiter, Mercúrio, Marte e Urano. Isto traz para estes dias um clima bem tenso com prováveis discussões e enfrentamentos. Não será fácil  manter-se no prumo com tal posicionamento.

Podemos também esperar neste período muitas novidades e dinamismo,  não dá muito tempo para descansar, mesmo considerando que a semana será “cortada” por um feriado, provavelmente continuaremos correndo mesmo no feriado.

Não esqueça que é um período de prosperidade e crescimento, mas não sem usar muito jogo de cintura e habilidade, as vitórias serão bastante suadas.

Boa fase para curtir os relacionamentos afetivos, principalmente os novos. Aos que possuem relacionamentos mais antigos, a recomendação é usar da criatividade e provocar boas surpresas nos parceiros, é preciso estímulo.

Boa inspiração e criatividade nesta fase.

Marte, o Guerreiro

Regente de Áries

Romance in Red - Gockel

DO DIA 03 DE ABRIL DE 2011  ATÉ O PRÓXIMO DIA 11 DE MAIO MARTE ESTARÁ NO SIGNO DE ÁRIES. MARTE QUE NA ASTROLOGIA ESTÁ ASSOCIADO A FORÇA, QUANDO PASSA POR ESTE SIGNO SE ENCONTRA AINDA MAIS REFORÇADO.  MARCA DE VITALIDADE E ENERGIA, TEMPERAMENTO ARDENTE E AGRESSIVO.

Marte rege o signo de Áries. Para a Astrologia representa coragem, libido e energia. Se relaciona com calor, febre, cicatrizes, ferimentos e acidentes. Sua influência nos habilita para a ação. Pode determinar uma ação energética e vigorosa ou mais tímida.

Um Marte bem posicionado em um mapa caracteriza indivíduos audazes e dificilmente ameaçados pelas circunstâncias, o contrário resulta em passividade, dificuldades de autocontrole e problemas sexuais.

Rubi

Ainda dentro do espírito marciano, segue abaixo um trecho do filme “300”:

Comentário do vídeo: Acho que a própria idéia de Esparta enquanto modelo de sociedade é exemplar quando queremos entender o simbolismo do planeta Marte. A força, os olhos altivos se enfrentando, trava-se inicialmente uma guerra de olhar, afinal é preciso encarar o inimigo, tentar subordiná-lo através dos olhos ou palavras firmes. A ação firme e dificilmente o recuo fazem parte da cena.

É interessante, como o clima quente deste trecho reflete uma ação marciana. O mensageiro  diz ao rei espartano: – “Escolha suas próximas palavras com cuidado Leônidas“. Bem se o mensageiro  conhecesse astrologia, saberia que um rei espartano, ou seja, aquele ungido pelo próprio deus da Guerra, não sabe o que significa a palavra cuidado. O rei ofendido acua o inimigo próximo a um poço com sua espada, após uma discussão tensa (coisas de Marte), abaixa a espada, parece que neste momento reflete (coisa que não é de Marte), volta seu olhar, parece desistindo (coisas que também não é de Marte) e se volta furioso e derruba o inimigo no poço (coisa totalmente de Marte), dizendo: – ” Loucura? Isto é Esparta!” E eu completo: Isto é Marte!

Publicado por: nadioli | 24/03/2011

21 de março de 2011.

Olá,

Outro dia, vindo pela rodovia Imigrantes, ouvi no rádio do carro a canção do Oswaldo Montenegro “Sem Mandamentos”, no mesmo momento me remeteu a minha adolescência onde canções do Taiguara me animavam (Em que eu digo / Que estou morto pra esse triste mundo antigo/Que meu porto, meu destino, meu abrigo…).

Ao ouvir Oswaldo Montenegro,  recordei como era esperançosa, como desejava e acreditava poder mudar o mundo, minhas leituras, meus filmes, meus amigos, as primeiras participações políticas e como havia força nesta esperança, pareceu distante, anos, décadas, ao mesmo tempo, está tudo aqui ainda, revisitado por um mulher que já viveu as tais décadas com erros e acertos.

 Me lembrei que ia escrever sobre o Ano Novo Astrológico, que começou com a entrada do Sol em Áries e me deu muita vontade de começar com a esperança ingênua que anima os adolescentes. E que venha o ano novo, que venha uma série deles e responderemos com poesia. 

Beijos 

Nádia

 

INGRESSO DO SOL EM ÁRIES

 

  Para a Astrologia um novo ciclo zodiacal se inicia cada vez que entramos no signo de Áries. Nas próximas semanas, trataremos com maiores detalhes das características deste signo. No último dia 20 de março às 20h20min (quanto 20!!!) o Sol ingressou no signo de Áries.

O mapa apresenta como uma de suas principais características a conjunção entre Sol e Urano no signo de Áries, isto significa que devemos nos preparar para muito dinamismo, mudanças repentinas, as coisas estarão meio viradas de cabeça para baixo. Mas para quem gosta de agito, será um prato cheio (cuidado com o excesso de comida, já alerto que pode dar uma indigestão danada).

 

A criatividade estará em alta e também novos rumos serão traçados, afinal Urano aparece bastante forte. Alem disso Vênus no signo de Aquário (signo regido por Urano) forma bom aspecto com Lua em Libra, o que pode criar laços mais fraternos e também criativos. Ajudar a melhorar a vida no nosso planeta e o próprio planeta devem estar entre nossas prioridades.

Tensões entre Lua-Saturno com Mercúrio-Júpiter, podem tornar as disputas bem passionais e acirradas, além de quebras de dogmas e verdades. Além de questionamentos contra o poder institucionalizado e as instituições em geral. Podemos ter problemas na área energética e de comunicação.

Netuno, planeta de trânsito lento atravessa os últimos graus do signo de Aquário conjunto no mapa de ingresso ao planeta Vênus, uma busca de novas saídas diante dos conflitos que viveremos neste ano. Ao mesmo tempo que traz carisma, magnetismo e um clima romântico, não deixa as coisas muito estáveis e seguras, segundo Liz Greene, cria uma certa insatisfação (no livro Neptuno). De qualquer maneira a compaixão deve ser um sentimento que este ano ganha muita força. Este aspecto favorece a arte em geral, como a  música, a poesia, a pintura e o teatro.

Vale a pena ler o trecho abaixo de Liz Greene sobre o contato Vênus-Netuno:

“Muito se tem escrito sobre a harmonia entre estes dois planetas e sua conexão com o amor universal. A empatia pela humanidade, em particular pelas vítimas da vida, e uma sensação de unidade mística com a totalidade da natureza, se expressam com frequencia de uma maneira delicada e sensível, na ineração de Vênus-Netuno com o mundo (…) os contatos Vênus-Netuno tem e podem criar uma magia extraordinária. Sua delicadeza , sua poesia e sua sensibilidade romântica geram elevadas visões de amor e harmonia que podem conduzir a criação de obras de grande beleza.” Liz Greene – Neptuno, Ed Urano

Mary Southard

Em tempos de duros aspectos entre Saturno, Urano, Plutão e Júpiter, vale a pena o convite para nos refugiarmos na poesia inspiradora de Vênus-Netuno.

 

Ano de Mercúrio

 

  Normalmente associamos um ano a um dos planetas, este ano a associação é com o planeta Mercúrio. Veja abaixo as características deste planeta segundo a mitologia e a astrologia.

Bartholomaeus SPRANGER, 1585

 

Para começar cabe uma frase de Shakespeare, que pode nos inspirar neste ano:

“Sê Mercúrio, prende asas a teus pés,

E volta de lá depressa como o pensamento.”

Shakespeare, Rei João, IV, II

 

 

Mercúrio, o menor dos planetas, é também o mais próximo do Sol. Símbolo da mente racional, Mercúrio está intimamente ligado ao nosso senso de direção espiritual (o Sol). A mente deve servir ao nosso senso de finalidade. Uma vez que Mercúrio nunca está a mais de 28 graus de longitude do Sol, a única relação possível que ele pode estabelecer com esse astro luminoso é a conjunção — ou seja, a união.

Hermes era filho de Zeus e sua mãe era a ninfa Maia. De acordo com o estudioso grego Karl Kerenyi, Maia já foi uma deusa, ligada às Plêiades (…) De qualquer modo, Hermes foi ladrão quase desde o momento de seu nascimento, em uma caverna no alto do monte Cilene, na Arcádia. Logo que o menino precoce veio à luz, a primeira coisa que viu foi uma tartaruga. Da casca dessa criatura ele criou a lira, um instrumento musical. Em seguida, roubou o rebanho de Apólo e, quando foi apanhado, foi convocado ao Olímpo para ser julgado por Zeus. Intimamente, Zeus e Apolo estavam ambos impressionados com a feroz esperteza daquela criança. Hermes devolveu o gado roubado ao deus-sol e lhe deu também a lira. A lira mais tarde tornou-se símbolo de Apolo, como o deus da música. Apolo fez de Hermes o condutor das almas deste mundo para o próximo — uma função divina e que já havia sido realizada pelo deus-sol.

Astrologia e Mitologia – Seus Arquétipos e a Linguagem dos Símbolos – A. Guttman e K. Johnson, Ed Madras

Um ano de Mercúrio, é promessa de muita dinamização do campo mental e intelectual, intensa comunicação e bastante aprendizado.

Publicado por: nadioli | 16/03/2011

14 de março de 2011

Olá,

Está semana apresento um céu diferente, um céu de sol nascente, com quimonos, samurais, teatro kabuki, saquê,  ikebanas e haikais.

Beijos e boa semana,

Nádia Oliveira

Ao sol da manhã
uma gota de orvalho
precioso diamante.

Matsuo Basho (1644-1694)

Acima temos um tradicional haikai que é uma pequena poesia com métrica e molde orientais, surgida no século XVI, muito difundida no Japão e vem se espalhando por todo o mundo. Poesia simples baseada na observação e contemplação. Um dos mais tradicionais poetas é Matsuo Basho, monge Zen do século XVII.

“Os poetas japoneses sabiam como expressar suas visões da realidade numa observação de três linhas. Não se limitavam a simplesmente observá-la, mas, com uma calma sublime, procuravam o seu significado eterno. Quanto mais precisa a observação, tanto mais ela tende a ser única, e, portanto, mais próxima de ser uma verdadeira imagem. Como disse Dostoievski, com extraordinária precisão: A vida é mais fantástica do que qualquer fantasia.”
Andrei Tarkovski, no livro “Esculpir o Tempo”.


Tsunami – aprendendo com as ondas


Os cavalos de Netuno-Vinicius Lima

 

Mergulhamos em tantas notícias e informações sobre os últimos acontecimentos no Japão, uma catástrofe que ceifou tantas vidas. Uma catástrofe natural duramente agravada, pela construção de obras humanas, neste caso: a Usina Nuclear de Fukushima. O que se viu foi um forte tremor de terra (9  graus de magnitude na escala Richter) seguido por um forte tsunami, seguido por um vazamento de uma usina nuclear.

Tsunami, é uma palavra de origem japonesa, que significa: onda de porto. Não por acaso a origem da palavra é japonesa, afinal este país é estruturado sobre um arquipélago, formado por quatro grandes ilhas, se encontra em uma região de forte atividade sísmica. A própria origem da ilha se dá pelas atividades sísmicas da região ocorridas a cerca de 408 milhões de anos atrás.

O impacto se deu sobre questões ambientais, econômicas, sociais e obviamente humanas. E se pode afirmar que no mundo globalizado que vivemos, sofremos enquanto planeta um duro golpe nestes últimos dias: aquela parte de nós, que é o Japão foi atingido fortemente.

Neste artigo não pretendo abordar as explicações técnicas e geológicas que provocaram o fenômeno, nem abordar jornalisticamente, apresentando dados estatísticos de mortos, feridos e desamparados. Obviamente me curvo à dor de uma parte de mim, de meu planeta que sofre. Mas o que me proponho aqui é  uma reflexão esotérica e buscar ir além do véu de Maia que cerca uma tragédia deste porte.

A força do ascendente em capricórnio do mapa do Japão (para Constituição do pós guerra), já nos alerta para as grandes transformações que o país deve passar nos próximos anos. De janeiro de 2008 até novembro de 2024, Plutão, grande mentor das transformações na Astrologia, está transitando no signo de Capricórnio. Não é de se estranhar que nações que tenham este signo forte também sofrerão inexoravelmente as mudanças desencadeadas por tal posicionamento astrológico.

Plutão ainda se encontra em seus primeiros graus e está na cúspide da décima segunda casa do mapa do Japão, atravessando uma zona do mapa considerada insegura, normalmente no mapa individual relacionada com inconsciente, passado e karma. Uma nação ter conseguido se estabelecer territorialmente sobre uma zona perigosa geologicamente pode resultar “naturalmente” em uma catástrofe deste porte. A catástrofe natural, então é algo que não pode surpreender, faz parte da própria história do país.

Plutão, neste período, por trânsito tensiona uma zona bastante crítica do mapa japonês: Vênus-Marte em Áries oposto Lua-Netuno em Libra. O planeta Vênus aqui, ganha uma importância capital, porque é o regente da casa quatro, que neste caso representa o território japonês. A tensão natural de Vênus no mapa (Vênus exilado, conjunto a Marte domiciliado e oposto a Lua, regente natural da casa 4 e de Netuno, regente natural da casa dois, que trata dos recursos do país, incluindo os recursos naturais), já aponta para uma instabilidade genuína do país e de seus recursos. E é esta tensão que vem sendo acionada por Plutão nos últimos meses: quadra ao mesmo tempo: Vênus, Lua e Netuno.

Ao mesmo tempo, a ação de Saturno sobre a Lua-Netuno e oposto a Vênus-Marte representava um forte alerta a situação e seu agravamento. Entre dia 11 e 12 último Urano começou uma conjunção com Vênus e se opõe a Netuno no céu. É o grande estopim ampliado pela força de Júpiter.

Devo ainda salientar uma relação possível entre Plutão e Urano com plutônio e urânio e aqui a questão nuclear torna-se um fator de alto risco.

Em Astrologia Esotérica, associamos Plutão ao chamado primeiro raio ligado a Vontade e ao Poder. É considerado de mais forte e violento impacto. Capricórnio está sob influência do Raio 1, 3 e 7. Portanto a ação do raio 1 nesta fase é bastante intensa. O raio 7, também ganha forte influência, pois conduz a manifestação da energia, a radioatividade está fortemente associada a ação deste raio, que no momento presente pode ser simbolizado pela entrada de Urano no signo de Áries:  Urano (sétimo raio) entrando em Áries (primeiro raio e sétimo raio) se opondo a Netuno-Lua, planetas que esotericamente se relacionam a Câncer, outro signo relacionado ao Raio 3 e 7. A conclusão disso tudo, é que a combinação destes raios impõe fortes mudanças no planeta.

Aqui podemos refletir o quanto é necessário o uso correto dos recursos do planeta. Através de uma  triste metáfora, podemos dizer que o Japão possui em si a energia da bomba atômica e novamente ela explode em suas mãos. Um uso consciente dos recursos naturais deve resultar em melhores consequências.

A memória coletiva registra toda uma comoção nacional e internacional diante das mortes, do impactos das duas bombas atômicas de 1945, dos tremores sísmicos constantes que este país sofreu desde sua formação geológica.

É preciso libertar-se deste passado, registrado no Japão e na humanidade como um todo, e até na memória do planeta. Capricórnio e Saturno estão de alguma maneira vinculados ao carma, tanto no sentido individual como coletivo. Plutão transitando por este signo nos remete a uma libertação ou melhor ainda  a uma transformação necessária.

Além da questão natural, os aspectos astrológicos apontam para questões financeiras, e o impacto deve realmente ser grande para a economia japonesa e mundial.

Deviamos recorrer mais aos conhecimentos budistas sobre o princípio de impermanência, ou seja, aprender a não  lidar com um planeta utilizando seus recursos até o seu extremo, sem considerar a possibilidade de sua finitude, afinal achar que o tempo todo tudo sob nosso controle, chega a ser infantil.

Como já foi dito, o efeito da globalização coloca todo o planeta sintonizado ao que ocorre em terras japonesas, as imagens e notícias em tempo real, permite viver no que existe de bom e mau do mundo inteiro. E assim, somos profundamente tocados pelo que acontece no Japão: somos o Japão e o Japão é parte de nós. O impacto emocional é imenso, nos assustamos diante da catástrofe natural, e com a força dos tremores de terra e a ação das águas, perigosamente aumentadas  quando unidas a exposição da radiação causada pela obra tecnológica humana.

O vivenciar a situação que acontece no Japão em tempo real, permite estar mais próximo ao epicentro, e obviamente cria na humanidade duas reações, que podem ser positivas: a compaixão e o medo. A compaixão nos ajuda a curar a ferida aberta, mas e o medo? Sabemos que lidar com o medo é mais complicado, não se pode cair aqui no Maia coletivo de um mundo a beira de um colapso, da destruição do planeta e da autodestruição da humanidade, o medo deve, coletivamente, conduzir a uma atitude mais consciente no cuidado e trato do planeta: minérios, solos, mares, atmosfera e biosfera.

Diante dos últimos acontecimentos a humanidade humildemente se ajoelha (Capricórnio se relaciona os joelhos) e se transforma. Talvez este seja um dos maiores desafios que Plutão nos apresenta ao atravessar os primeiros graus de Capricórnio.


Um pouco mais sobre a impermanência

Um conto zen

Um famoso mestre espiritual aproximou-se do Portal principal do palácio do Rei. Nenhum dos guardas tentou pará-lo, constrangidos, enquanto ele entrou e dirigiu-se aonde o Rei em pessoa estava solenemente sentado, em seu trono.

“O que vós desejais?” perguntou o Monarca, imediatamente reconhecendo o visitante.

“Eu gostaria de um lugar para dormir aqui nesta hospedaria,” replicou o professor.

“Mas aqui não é uma hospedaria, bom homem,” disse o Rei, divertido, “Este é o meu palácio.”

“Posso lhe perguntar a quem pertenceu este palácio antes de vós?” perguntou o mestre.

“Meu pai. Ele está morto.”

“E a quem pertenceu antes dele?”

“Meu avô,” disse o Rei já bastante intrigado, “Mas ele também está morto.”

“Sendo este um lugar onde pessoas vivem por um curto espaço de tempo e então partem – vós me dizeis que tal lugar NÃO É uma hospedaria?”

As imagens abaixo mostram a construção de lindas e detalhadas mandalas feitas por monges budistas usando grãos de areia coloridas. Depois de cuidadosamente feitas, as mandalas são desmontadas. Trata-se de um exercício de impermanência, afinal tudo passa.

 

Publicado por: nadioli | 08/03/2011

07 de março de 2011

Fernando Bujones - 09/03/1955

Olá,

Nesta semana comemoramos o Dia Da Mulher e trago novamente a poesia de Vinicius de Moraes – sobre as mulheres e os signos. Já havia postado aqui, mas a pedidos, segue novamente.

Não deixe de ver o vídeo do bailarino Fernando Bujones, é o personagem pisciano da semana.

O Sol atravessa o signo de Peixes, esperemos que contribua para criar maior sensibilidade e espalhar a compaixão. Na Astrologia, este signo está relacionado com a doação e sacrifício. Fazer o bem ao próximo, aos animais, a natureza em geral e a si mesmo: boa lição para todos nós!

Voltar-se a si mesmo e encontrar razões de celebrar! Vamos então começar com palavras que podem nos inspirar, afinal poesias são sempre inspiradoras:

“A gente merece um dia de sol, com praia, suor e cerveja e sem nenhuma explicação, simples assim.

A gente merece o barulho da chuva, aquele friozinho na espinha e uma bela companhia debaixo do edredom.

A gente merece rir de coisas bobas, falar muita besteira, xingar aquele palavrão e não ter respostas para as perguntas e, melhor ainda, ter as respostas e não ter as perguntas.

A gente merece viver no agora, se livrar das memórias ruins, dos vícios depressivos e ser, às vezes, bipolar, sem culpa, sem médicos e sem remédios. 

A gente merece o sonho de consumo e depois de sonhar, possuir e continuar sonhando e desejando, sempre.

A gente merece chorar de vez em quando e aproveitar para lavar a roupa suja, desembrulhar os pacotes e jogarmos fora aquilo que foi, porque se foi, jamais será – e só aquilo que é pertence à vida; todo o resto é poeira do tempo.

A gente merece gostar de alguém, mas sem sofrimento, dor e desculpas. Apenas gostar, curtir ficar, desfrutar do outro como uma fruta cítrica, um sorvete, um bolo recheado ou um pudim de leite.(…)” Donna Jô

continue a ler no blog da autora:

http://jorgetteoliveira.blogspot.com/2011/03/gente-merece-um-dia-de-sol.html

beijos piscianos,

Nádia Oliveira

 CÉU DO MOMENTO

 

Quatro planetas atravessam o signo de Peixes: Sol, Mercúrio, Urano e Marte. O que dá um clima realmente pisciano a estes dias. As ações devem ser um tanto caóticas e pareceremos meio fora de foco, se souber utilizar a sensibilidade e intuição os resultados irão surpreendê-lo favoravelmente.

Um bom momento para resolver conflitos através de acordos, acertos e negociações mais tranqüilas. Aliás, cuidado para não “meter os pés pelas mãos” ao tentar tomar medidas mais duras e radicais.

Não é uma boa fase para se discutir relações, nem amorosas, nem qualquer outra. O ideal é gastar mais tempo refletindo e rever suas próprias posturas.

As relações afetivas, em especial as amorosas encontram-se tensas, por isso procure relaxar e agir com cuidado, qualquer ação pode ser mal interpretada.

Aproveite estes dias para cuidar da limpeza de seus pensamentos e dos ambientes, bom também para fazer uma desintoxicação.

O período é inspirador e criativo, mas não muito prático.

  

MEDITAÇÃO PARA PEIXES

 

“Eu tenho bastante tempo, tempo infinito, nada me pressiona.

O tempo parou. Entrego-me completamente a essa quietude que me liga a eternidade.

Com todos os meus sentidos, eu ouço essa quietude, alerta para aquilo que se fará conhecer e que quer crescer dentro de mim.

Repentinamente, eu vejo à minha frente um longo corredor, estreito e escuro.

Há uma luz brilhando na distância; reconheço uma figura, uma forma luminosa me acena.

Ela me atrai como que por magnetismo.

Deixo tudo e caminho lentamente ao longo do corredor, em direção à forma.

Ela vem ao meu encontro chamando meu nome, o que me toca e que ecoa dentro de mim.

Nós nos encontramos e nos olhamos com um profundo reconhecimento.

Então ela coloca o braço sobre meus ombros e diz, “Você chegou ao seu destino. Venha, siga-me.” 

Louise Huber – Signos, Zodíaco e Meditação Ed Totalidade  

HISTÓRIA DA MULHER

  Em 8 de março de 1857, operárias de uma fábrica de tecidos em Nova Iorque, fizeram uma grande greve. A manifestação foi reprimida com total violência. As mulheres foram trancadas dentro da fábrica, que foi incendiada, 130 mulheres morreram, num ato brutal (Plutão e Vênus conjuntos no céu).

Em 1910, foi estabelecido na Dinamarca o “Dia Internacional da Mulher”, e em 1975, a data foi oficializada pela ONU. O objetivo não era comemorar nem parabenizar as mulheres e sim promover uma série de discussões sobre a condição feminina em nossa sociedade.

Áries

(de 21 de março a 20 de abril) 

Branca, preta ou amarela
A ariana zela.Tem caráter dominador
Mas pode ser convencida
E ai, então, fica uma flor:
Cordata…e nada convencida.Porque o seu dominador
É o amor.
Eu cá por mim não tenho nenhum
Preconceito racial:Mas sou ariano!

Vinícius de Moraes

 Touro
(de 21 de abril a 20 de maio) 

O que é que brilha sem
Ser ouro? – A mulher de Touro!
É a companheira perfeita
Quando levanta ou quando deita.
Mas é mulher exclusivista
Se não tem tudo, faz a pista.
Depois, que dona-de-casa…
E a noite ainda manda brasa.
Sua virtude: a paciência
Seu dia bom: a sexta-feira
Sua cor propícia: o verde
As flores dos seus pendores:
Rosa, flor de macieira.

Vinícius de Moraes

 

Gêmeos

 (de 21 de maio a 20 de junho) 

A mulher de Gêmeos
Não sabe o que quer
Mas tirante isso
É boa mulher.A mulher de Gêmeos
Não sabe o que diz
Mas tirante isso
Faz o homem feliz.A mulher de Gêmeos
Não sabe o que faz
Mas por isso mesmo
É boa demais…

Vinícius de Moraes

  

Câncer
(de 21 de junho a 21 de julho) 

Você nunca avance
Em mulher de Câncer.Seu planeta é a Lua
E a Lua, é sabido
Só vive na sua.
É muito apegada
E quando pegada
Pega da pesada.É mulher que ama
Com muito saber
No tocante a cama
Não sei lhe dizer…

Vinícius de Moraes

Leão
(de 22 de julho a 22 de agosto) 

A mulher de Leão
Brilha na escuridão.
A mulher de Leão, mesmo sem fome
Pega, mate e come.
A mulher de Leão não tem perdão.
As mulheres de Leão
Leoas são.Poeta, operário, capitão
Cuidado com a mulher de Leão!
São ciumentas e antagônicas
Solares e dominicais
igneas, áureas e sadônicas
E muito, muito liberais.

Vinícius de Moraes

Virgem
(de 23 de agosto a 22 de setembro)

 Se Florence Nightingale era Virgem
Não sei… mas o mal é de origem.A mulher de Virgem aceita a amante
Isto é: desde que não a suplante.Sexo de consumo, pães-de-minuto
Nada disso lhe há de faltar
O condomínio é absoluto
A virgem é mulher do lar.Opala, safira, turquesa
São suas pedras astrais
Na cuca, muita esperteza
Na existência, muita paz.

Vinícius de Moraes

Libra
(de 23 de setembro a 22 de outubro) 

A mulher de Libra
Não tem muita fibra
Mas vibra.Quer ver uma libriana contente?
Dê-lhe um presente.Quando o marido a trai
A mulher de Libra
balança mas não cai.Se você a paparica
Ela fica.Com librium ou sem librium
Salve, venusina
Que guarda o equilíbrio
Na corda mais fina.

Vinícius de Moraes

Escorpião
(de 23 de outubro a 21 de novembro) 

Mulher de Escorpião
Comigo não!
É a Abelha Mestra
É a Viúva Negra
Só vai de vedete
Nunca de extra.
Cria o chamado conflito
de personalidades.
É mãe tirana
Mulher tirana
Irmã tirana
Filha tirana
Neta tirana.
Agora, de cama diz
que é boa paca.

Vinícius de Moraes

Sagitário
(de 22 de novembro a 21 de dezembro) 

As mulheres sagitarianas
São abnegadas e bacanas.
Mas não lhe venham com grossuras
Nem injustiças ou censuras
Porque ela custa mas se esquenta
E pode ser muito violênta.
Aí, o homem que se cuide…
– Também, quem gosta de censura!

Vinícius de Moraes

Capricórnio
(de 22 de dezembro a 20 de janeiro) 

A capricorniana é capricornial
Como a cabra de João Cabral.
Eu amo a mulher de Capricórnio
Porque ela nunca lhe põe os próprios.A capricorniana é tão ciumenta
Que até os ciúmes ela inventa.
Mulher fiel está aí: é cabra
Só que com muito abracadabra.Suas flores: a papoula e o cânhamo
De onde vêm o ópio e a maconha
Ela é uma curtição medonha
Por isso nos capricorniamos.

Vinícius de Moraes

Aquário
(de 21 de janeiro a 19 de fevereiro)

Se o que se quer é a boa esposa
A aquariana pousa.Se o que se quer é uma outra coisa
A aquariana ousa.Se o que se quer é muito amor
A aquariana
É mulher macho sim senhor.Porém não são possessivas
Nem procuram dominar
Ou são meigas e passivas
Ou botam para quebrar.

Vinícius de Moraes

Peixes
(de 20 de fevereiro a 20 de março) 

Mulher de Peixe…peixe é
Em águas paradas não dá pé
Porque desliza como a enguia
Sempre que entra numa fria.Na superfície é sinhazinha
E festiva como a sardinha
Mas quando fisga um namorado
Ele está frito, escabechado.É uma mulher tão envolvente
Que na questão do Paraíso
Há quem suspeite seriamente
Que ela era a mulher e a serpente.seu Id: aparentar juízo
Seu Ego: a omissão, o orgulho
Sua pedra astral: a ametista
Seu bem: nunca ser bagulho
Sua cor: o amarelo brilhante
Seu fim: dar sempre na vista

Vinícius de Moraes

 

PERSONAGEM PISCIANO

FERNANDO BUJONES

Para o personagem da semana, pensei em  alguém que trouxesse de maneira bastante ostensiva a sensibilidade e arte pisciana, e decidi pelo bailarino e coreógrafo Fernando Bujones.

Bujones foi considerado um dos melhores bailarinos do século XX. Nasceu no dia 09 de março de 1955 em Miami-EUA e faleceu em 2005.

Foi considerado um dos maiores destaques masculinos do balé clássico, em um século que tivemos  Rudolph Nureyev e Mikhail Baryshnikov. Bujones, que dedicou 30 anos de sua vida à dança, à coreografia e à docência, atuou nos principais palcos do mundo. Ele atuou como primeiro dançarino convidado em cerca de 34 países e com mais de 60 companhias.

Infelizmente não disponho de sua hora de nascimento, mas fazendo um mapa parcial, podemos observar que além do artístico Sol no signo de Peixes, Bujones tem a Lua no signo de Libra, também ligado a arte. O Sol faz bom aspecto com Júpiter-Urano em Câncer, dando incentivo e criatividade ao mesmo tempo que aspecta Saturno, também de maneira harmônica, resultando em disciplina e austeridade, além de muita determinação. 

 
 
 
 
 

sem horário de nascimento

 

   Aproveite para assistir uma de suas apresentações:
 
Publicado por: nadioli | 16/02/2011

14 de fevereiro de 2011.



Olá,

Nesta semana entramos na etapa final da passagem do Sol pelo inovador e mental signo de Aquário.

Boa fase para colocar as idéias no lugar ou talvez tirá-las! Mas o importante é mexer, mudar  e refletir, afinal a regra é usar a mente!

Nesta semana trago o mapa de Lewis Carroll, autor da famosa obra Alice no País das Maravilhas. Personalidade controvertida, mas interessante sem dúvida, aliás características bem comuns à maioria dos aquarianos.

Beijos

Boa semana

Nádia Oliveira


CÉU DO MOMENTO

 

Uma semana de muita sensibilidade e inspiração, mas não se iluda, enfrentará dificuldades bastante concretas.

Momento de definição de metas, escolhas e decisões importantes. Procure se cercar com o máximo de informações que puder confiar, pois precisará de maior confiabilidade do que o simples bom senso.

Como existe um certo clima de inspiração e romance, as paixões poderão estar difíceis de serem contidas. Na verdade, uma série de configurações promovem um clima de sentimentos acirrados. Isto pode significar um novo e grande amor, um momento de calorosa gratidão ou perdão, mas um momento de destempero emocional e conflitos apaixonados e acalorados.

Boa fase para falar em público ou divulgar um evento. Também fase de maior concentração para provas e exames.

Faça um esforço para estar mais sintonizado emocionalmente com as pessoas, entender suas razões e relevar aquilo que realmente não é fundamental.

AQUÁRIO – SIGNO DO MÊS

Diz-se que os aquarianos estão à frente de seu tempo, e por isso levemente fora de sincronia com o mundo que os rodeia. A Revolução Industrial, um período na história que se seguiu à descoberta do planeta regente de Aquário, Urano, em 1781,introduziu a chamada Idade das Luzes — ou, ao menos, a Era da Tecnologia. Desde aquele tempo, os astrólogos afirmam que estamos entrando na cúspide da era de Aquário. E, embora ainda não estejamos plenamente nela, certamente estamos na transição. Já que uma era astrológica leva 2100 anos para se completar, a cúspide pode durar cerca de duzentos anos, e nessa cúspide ou período entre duas eras temos vivido desde o final do século XIX. No mundo de hoje, muitas idéias e invenções aquarianas (notadamente as dos aquarianos Thomas Edison e Nikola Tesla*) vieram à luz, tendo como efeito geral fazer o mundo parecer fácil de compreender. As tecnologias aquarianas produziram tanta informação sobre nosso mundo (chamamos à nossa época Era da Informação), e outros mundos, que não mais precisamos viver com medo do inimigo ou do desconhecido. Mesmo assim, muitos ainda o fazem. Enquanto os líderes mundiais estiverem preocupados em fazer guerras, enquanto nações ainda viverem na pobreza, na ignorância e sem abrigo, enquanto as pessoas ainda tiverem medo umas das outras, enquanto indivíduos e nações que têm abundância estiverem acumulando os recursos da terra sem compartilhá-los com os necessitados e enquanto existirem ainda preconceitos raciais e religiosos, ainda não estaremos vivendo na era de Aquário. Mas os conceitos de Aquário têm ficado mais fortes conforme cada nova década se desdobra, e a humanidade está vagarosamente dando a grande virada que expulsará a fome e a doença, criará a paz e a liberdade e dissolverá as fronteiras políticas e raciais, de forma que poderemos realmente ver que cada indivíduo é parte de um todo, tão importante quanto qualquer outra.

Astrologia e Mitologia – Seus Arquétipos e a Linguagem dos Símbolos – A. Guttman e K. Johnson, Ed Madras

Nota * Tesla, não é aquariano, o croata Nikola Tesla nasceu em 10 de julho de 1856. Dizem que nasceu em uma noite de grande tempestade com muitos raios, seja fato ou não, a eletricidade o acompanhou a vida inteira. Mas naturalmente, tem uma forte influencia uraniana em seu mapa, pois este planeta se encontra em sua Casa 1. Em seu mapa um dos planetas presentes no Ascendente é Urano, relacionado com o excentricidade e a eletricidade,  duas características que cercaram fortemente sua vida. Suas idéias prenunciaram a comunicação e a Internet. (Nádia Oliveira)

PERSONAGEM AQUARIANO

LEWIS CARROLL

“Alice no País das Maravilhas”  tem fascinado crianças e adultos há mais de um século, em todas as mídias possíveis. O livro foi escrito por Lewis Carroll (nome real de Charles Dodgson). Até mesmo um filme mais contemporâneo como Matrix, faz uma pequena alusão ao “mundo de Alice” quando Morpheus ensina Neo que ele deve despertar das realidades falsas e confrontá-las:

“Imagino que agora você está se sentindo um pouco como a Alice. Hein!? Caindo no buraco do coelho!?

Lewis Carrol nasceu na Inglaterra no dia 27 de janeiro de 1832. A fantasia e a criatividade podem são encontradas em seu mapa pelo dispositor de seu Sol (Urano) formar um sextil com a Lua no ascendente sagitariano e um trígono com seu Meio do Céu. Possuia um mundo interior rico, resultando em forte imaginação, provavelmente contido e muito mental e crítico. Reservado e tímido, foi educado em ambiente bastante conservador.

Foi professor em Oxford por 26 anos, tendo levado uma vida bastante tranqüila socialmente, hoje se fala muito em possíveis desvios sexuais, mas isso era (?) bastante comum entre a elite vitoriana do período.

Júpiter está posicionado na Casa 3, o que promove expansão nos escritos. Favore muito a opção literária. Júpiter no signo de Aquário, permitiu que nesta área literária ele pudesse exercer com maior facilidade a liberdade de expressão, além de uma visão inovadora.

Aquariano, com Sol conjunto a Urano, também explicam seu gosto por jogos de palavras, enigmas e a inventividade de seu texto.

O QUE É A VIDA SENÃO UM SONHO?

1872

LEWIS CARROLL

Ao sol segue o barco em frente.

Lento desliza, sonhadoramente,

Inclinando-se à voga na corrente.

Caras ciranças, um trio a escutar,

Excitamento e brilho em seu olhar

Por tão singelo conto a palpitar.

Longe se vai aquele céu dourado,

Eco que esmorece, do passado:

Ao sol de estio, sucede outono e enfado.

Sempre me perseguindo essa lembrança.

Alice, sombra no céu que não se alcança,

Nunca visya por olhos sem esperança.

Contudo, vejo-as ainda a palpitar,

Em seus rostos acesos este olhar

Luzindo de avidez ao escutar.

Imagens de um país das maravilhas,

Distantes neste sonho onde o sol brilha,

Distante sonho onde o verão se estilha.

Elas deslizam ao longe, no entressonho,

Lentamente sobre um céu risonho…

Longe. A vida o que é, senão um sonho?

Tradução Sebastião Uchôa Leite

 

 

 

 

 

Publicado por: nadioli | 10/02/2011

07 de fevereiro de 2011

Olá,

Nesta semana trago loucos, divinos loucos aquarianos: Mozart que mergulhou em sua genialidade artística e Ramakrishna, Guru indiano, um louco por Deus!

Estes dois aquarianos, inquietos e profundamente mergulhados em sua loucura, deram ao mundo a pureza de suas crenças: inspirados e polêmicos fizeram a diferença.

E assim inspirada por esses divinos loucos, vale a pena recordar e cantarolar a canção Balada do Louco.

beijos,

Nádia Oliveira

“Dizem que sou louco por pensar assim
Se eu sou muito louco por eu ser feliz
Mas louco é quem me diz
E não é feliz, não é feliz

Se eles são bonitos, sou Alain Delon
Se eles são famosos, sou Napoleão

Mas louco é quem me diz
E não é feliz, não é feliz
Eu juro que é melhor
Não ser o normal
Se eu posso pensar que Deus sou eu

Se eles têm três carros, eu posso voar
Se eles rezam muito, eu já estou no céu

Mas louco é quem me diz
E não é feliz, não é feliz
Eu juro que é melhor
Não ser o normal
Se eu posso pensar que Deus sou eu

Sim sou muito louco, não vou me curar
Já não sou o único que encontrou a paz

Mas louco é quem me diz
E não é feliz, eu sou feliz”

(Balada do Louco – Arnaldo Baptista e Rita Lee)

CÉU DO MOMENTO

A configuração do céu aponta para situações de muita cobrança e com trabalhos e atividades surgidos na última hora. É preciso estar pronto para responder a demanda. O lado positivo é que você estará bem disposto para enfrentar este estresse todo.

Os bons aspectos entre Sol, Marte e Saturno, que já estavam na semana passada irão continuar, trazendo mais firmeza, força e determinação, beirando até a teimosia. Estes aspectos serão úteis nos momentos que precisamos de características mais marciais, ou seja, maior agressividade e coragem.

Os problemas devem ter soluções criativas, portanto não fique tão preso às convenções. Procure surpreender, até mesmo a você!

Reserve tempo a leitura e aos estudos, pois nesta fase trarão resultados compensadores. Bom também para retomar estudos e cursos.

Nos negócios e nas finanças, a recomendação ainda é a cautela e procure  se apoiar em medidas mais clássicas e seguras. Não é boa fase de risco.

Nos relacionamentos afetivos, tome cuidado com suas posições, tendem a ser muito inflexíveis, procure relaxar até a tensão desses dias passar. Decisões poderão trazer um certo pesar mais tarde, por isso neste setor a recomendação também é pisar no freio e ir com calma.

AQUÁRIO E SEUS DOIS PLANETAS REGENTES

Urano e Saturno

  Na astrologia moderna, o planeta recém-descoberto (1781) Urano rege Aquário. Se examinarmos Urano de perto no mito, descobriremos que seu comportamento não se encaixa absolutamente na imagem que fazemos desse iluminado signo. Também não encontraremos muita correlação com o antigo regente, Saturno. Porém, descobriremos dois deuses com incríveis capacidades vivificantes e procriativas, os deuses das primeira e segunda gerações que deram origem a todas as gerações subseqüentes. O problema surgiu quando eles não puderam retirar-se de boa vontade e deixar que seus filhos tomassem a frente. Seguraram-se firmemente em suas posições de poder, pois sem essa posição se sentiam inúteis, inadequados. Isso relembra o tremendo potencial criativo inerente a Aquário (ideologistas, inventores, artistas) e também sua fixidez. Esses futuros pensadores e visionários que podem nos empurrar para a frente tão rapidamente podem também ter grande dificuldade em desistir de antigas idéias, opiniões ou posições, mesmo quando já é hora de se retirarem. Podem permanecer rigidamente presos a um modo de pensar para sempre, e é, provavelmente, por isso que se diz que seu planeta regente, Urano, que despedaça conceitos velhos e desusados, cria um terremoto em nossa vida quando está em um trânsito importante.

Na astrologia clássica, porém, Saturno regia esse signo; textos astrológicos muito antigos  descrevem os aquarianos em termos saturninos. Essa imagem também nos parece estranha, pois atualmente vemos o comportamento aquariano como oposto a tudo o que é tradicional ou saturnino. Ocasionalmente, porém, ainda podemos encontrar aquarianos cautelosos, conservadores e melancólicos, ou quietos, pensativos e profundos. Ronald Reagan certamente incorpora o lado cauteloso e conservador do aquariano saturnino em sua filosofia, mas demonstra o lado carismático de Aquário em sua personalidade. Por outro lado, o aquariano Abraham Lincoln deve ser visto como saturnino em sua aparência, melancolia e na profundidade de seu pensamento. Suas idéias, porém, encaixam-se mais propriamente em nossa imagem atual de Aquário como o profeta, o reformador social e o livre-pensador.

Astrologia e Mitologia – Seus Arquétipos e a Linguagem dos Símbolos – A. Guttman e K. Johnson, Ed Madras

MEDITAÇÃO DE AQUÁRIO

EXERCÍCIO DE VISUALIZAÇÃO DE AQUÁRIO

Então estendemos essa luz brilhante e branca aos nossos vizinhos aqui no círculo unindo-nos à Luz de todo o grupo. Forma-se um sino de Luz, o qual se estende para o alto, para o ponto central mais elevado. Mantemos este sino de luz em nossa consciência e ao mesmo tempo imaginamos que ele se abre lentamente a partir do centro; um som delicado ecoa e uma luz dourada, radiante sai da abertura, fluindo para nós e penetrando nossa personalidade tripla. Então meditamos sobre o pensamento semente de Aquário:

“Água da vida eu sou, derramada para os homens sedentos”

Eu sinto essa substância revigorando-me e dando-me novos impulsos, entusiasmo e força. Eu a sinto fluindo através de mim, unindo-me a tudo que vive. Eu renasço em uma dimensão superior, onde sou uno com tudo o que existe. Essa experiência me enche de alegria. Sinto-me seguro, apoiado pela unidade de toda a vida. Ela penetra todas as coisas, unifica tudo, e mesmo assim eu permaneço inalterado. Não me extingo através da experiência da unidade. Eu posso percebê-la claramente, essa causa primeira de todo o ser. Minha consciência se abre mais e mais, tornando-se permeável à força do amor universal que emano para toda a Humanidade.

Signos Zodíaco e Meditação – Louise Huber – Ed Totalidade

RAMAKRISHNA

Râmakrishna é considerado um dos últimos grandes santos hindus.  A monja  Bhairavi Brahmani, seu primeiro guru, ao ser questionada por ele, pelo medo que tinha de enlouquecer disse: “Meu filho, bem aventurado é o homem que conhece esta loucura. O universo inteiro é louco; alguns são loucos de riquezas, outros de prazeres, outros de glória, outros de cem outras coisas. São loucos do ouro que possuem, de seus maridos ou mulheres, loucos de coisas insignificantes, loucos do desejo de dominar alguém, loucos de todas as tolices possíveis, mas nunca loucos de Deus… Todos estes só podem compreender a própria loucura. Se um homem é louco do desejo do Bem Amado, louco do desejo do Senhor, como poderiam compreendê-lo?”

Ramakhrishna conseguiu viver a  espiritualidade com toda intensidade , entregou-se totalmente e por isso se tornou conhecido como o “Louco de Deus”. Ramakrishna é considerado uma encarnação da divindade.

Ramakrishna vivia constantemente absorto em Deus. Em seus freqüentes êxtases espirituais, alcançava o sublime estado de união com a Infinita realidade.

Nasceu em Kamarpukur e desde criança apresentou inclinação para a vida espiritual.

MOZART

Publicado por: nadioli | 01/02/2011

31 de janeiro de 2010.

Olá,

Nesta semana já entramos em uma nova etapa do ciclo zodiacal: do racional signo de Aquário. Tem até aquela piadinha, que fazemos com os aquarianos: ” um aquariano diz a um amigo que não acredita em Astrologia. O amigo então o questiona dos motivos e ele responde – sou aquariano, e os aquarianos são céticos.”

Aquário é o terceiro signo do Ar: Gêmeos, Libra e Aquário. O elemento ar se relaciona com o pensamento, as idéias, a mente e a razão. Além de ser classificado como signo do Ar, Aquário também é considerado um signo fixo, o que dá muita determinação em suas posições, as vezes até mesmo teimosia.

Mas vamos ter o mês astrológico todo pra falarmos destes seres inquietos, teimosos, um tanto quanto arrogantes, mas que nos ensinam sobre o indivíduo ser mais que seu próprio ego, a nos agregarmos e nos sentirmos como algo maior: Humanidade. Os valores e princípios aquarianos são normalmente abrangentes e justos. Além disso os nativos deste signo, ou que possuam em seu mapa um destaque nele, são antenados, ligados com tecnologia, papos futuristas, aliás apreciam um papo, como todos os signos do ar!

Trago um aquariano de primeiro time: Bertoldo Brecht. Aproveite para ouvir uma  canção do também aquariano Bob Marley.

Um boa semana,

beijos

Nádia Oliveira


CÉU DO MOMENTO


Decisões e posições firmes marcam a situação. Como existe uma aspecto harmonioso entre os planetas Marte e Saturno, deve haver determinação e persistência em nossas atitudes. Decisões e projetos duradouros deverão ter agora início.

Idéias lúcidas e clareza de pensamento marcam esta fase, além do Sol e Marte no racional signo de Aquário, esta semana também Mercúrio estará entrando neste signo. Uma maior socialização também estarão evidenciadas.

Obviamente a configuração entre Sol e Saturno exigirá de nós resistência para cumprimos nossas responsabilidades e compromissos que deverão ser aumentados por estes dias. Lembre-se nem sempre, estes são agradáveis, faço o possível para torná-los mais suaves e proveitosos.

Idéias fora do contexto, criativas e inesperadas devem acontecer, portanto aproveite a fase que o horizonte de possibilidades se amplia a sua frente.

Nos relacionamentos procure ser mais centrado e cuidadoso. Isso também vale para as finanças, que pedem mais tranqüilidade e atenção.

 

UM POUCO SOBRE AQUÁRIO

simbolismo e mitologia

O Nilo começa a se encher em julho, no mês de Leão. Essa é a época do ano em que Aquário ascenderá no pôr-do-sol — ou, para dizer de outro modo, quando a Lua estará cheia em  Aquário. Portanto, não se deve surpreender que esse signo fosse originalmente associado à cheia do Nilo.

Em sentido simbólico, os egípcios pensavam no Nilo como o deus Osíris fecundando a deusa Ísis, que simbolizava a terra egípcia. O mito de Osíris trata da morte, do desmembramento e da ressurreição final desse deus. Um dos mais sagrados santuários do antigo Egito fica no Templo de Elefantina, venerado como o início simbólico (embora não verdadeiro) do Nilo. Ali era guardada uma relíquia especialmente sagrada, o osso da canela do deus Osíris. Ali perto, na ilha de Philae, havia um baixo-relevo que representava Hapi, o deus do Nilo, derramando a água da vida de dois vasos. A imagem de Aquário mostra o carregador de água derramando as águas da vida; e a canela é associada a esse signo em astrologia médica. Para os antigos egípcios, portanto, Aquário representava o poder espiritual vital que renova e fertiliza todas as coisas.

O signo tinha também poderosas associações entre os babilônicos. Como vimos, os quatro signos fixos do zodíaco aparecem repetidamente no mito babilônico, especialmente no épico de Gilgamesh e no Livro de Ezequiel em hebraico, composto na Babilônia durante o cativeiro. Enquanto os outros três signos fixos são representados por animais, Aquário adquire uma distinção particular, já que é representado por um ser humano. No épico de Gilgamesh, esse ser humano tem um nome e uma história.

Gilgamesh perdeu seu melhor amigo, Enkidu, seu companheiro de armas. Tentando devolver Enkidu à vida, Gilgamesh saiu em busca da erva da imortalidade. A Deusa enviara um touro contra ele (Touro) e, durante sua demanda, venceu um bando de leões (Leão) e atravessou o portão onde três homens-escorpião montavam guarda (Escorpião). Esses são os primeiros três signos da cruz fixa que Gilgamesh teve de dominar antes de poder chegar ao outro mundo onde vivia o imortal Utnapishtim, que podemos reconhecer como Aquário. Utnapishtim anteriormente fora mortal, mas apenas ele ouvira as vozes divinas avisando da destruição do mundo. Utnapishtim construiu um barco e salvou-se assim da inundação que assolou o mundo. Utnapishtim é a forma Suméria ou babilônica de Noé e a história da inundação em que representa esse papel principal é o protótipo da história do Dilúvio em Gênesis. Por causa de sua obediência à vontade divina, Utnapishtim recebeu a vida eterna e a guarda da erva da imortalidade.

O épico conta como Gilgamesh ganhou a erva da imortalidade e a perdeu novamente — pois, afinal de contas, a humanidade ainda não ganhou a imortalidade. Mas, novamente encontramos uma figura mítica associada tanto ao dilúvio quanto à renovação ou mortalidade. Utnapishtim, Hapi e Osíris incorporam todos o mesmo arquétipo.

Os gregos contavam uma história bastante diferente. Associavam Aquário a Ganimedes, o belo rapaz troiano que atraiu a atenção de Zeus (Júpiter). O rei dos deuses desceu do Olimpo em forma de águia e levou Ganimedes para torná-lo o copeiro dos deuses (a outra copeira era Hebe, a donzela filha de Hera, que incorporava muitos dos atributos de sua mãe). Os deuses viviam de néctar e ambrosia e presumivelmente era a ambrosia que Ganimedes derramava de seu copo. Ambrosia é equivalente ao sânscrito amrita, que significa “a bebida da imortalidade”. Essa era a mesma substância mágica que vimos em poder de Utnapishtim. O significado de Aquário está ligado ao conceito de uma substância divina que alimenta toda a vida. Essa substância é descrita variadamente como as águas da vida, uma erva ou uma bebida vivificantes.

Uma interpretação atual diz que Aquário rege a eletricidade e que o glifo desse signo (K) deve ser compreendido como ondas elétricas, e não como água. Em nosso mundo científico, concebemos a substância vivificante como uma quantidade vital, elétrica, de energia cósmica, não mais como uma beberagem mágica. E também vemos os aspectos tecnológicos altamente avançados de nosso mundo como inebriantes — talvez até demais. Além disso, sem os avanços científicos aquarianos que foram prenunciados desde os dias da descoberta de seu planeta regente, Urano, o mundo ainda estaria meio adormecido. Estando entre o segundo e o terceiro milênio da era cristã,* já percebemos como estender a vida (transplantes de coração, fígado e rins), como criar vida em laboratório (bebês de proveta) e como destruir a vida em questão de segundos (energia atômica). Certamente, a imortalidade de proveta não pode estar muito distante nesta época em que o homem brinca de ser Deus.

Astrologia e Mitologia – Seus Arquétipos e a Linguagem dos Símbolos –
A. Guttman e K. Johnson, Ed Madras

PERSONAGENS AQUARIANOS

Brecht

Do rio que tudo arrasta se diz que é violento.
Mas ninguém diz violentas
As margens que o comprimem.

Brecht


Brecht é um ótimo exemplo de aquariano, sua obra é recheada de mensagens divulgando suas idéias revolucionárias. Nasceu no dia 10 de fevereiro de 1898 na Alemanha. Atuou como dramaturgo e poeta. Viveu a opressão das idéias nazistas e foi muito influenciado pelas idéias socialistas, quando Hitler foi eleito, acabou se exilando em vários países: Áustria, Suiça, Dinamarca, Finlândia, Suécia, Inglaterra, Rússia e finalmente Estados Unidos. Enquanto isso seus livros eram queimados e proibidos na Alemanha.

Seu mapa traz além do rebelde sol em Aquário, tem como Ascendente o signo de Sagitário, o que reforça em sua personalidade a luta que empenhou por colocar em destaque suas idéias políticas e sociais. Um pensador que não teve receio de expor o que acreditava em sua vasta obra, como podemos perceber em um dos seus mais conhecidos poemas:
Perguntas De Um Trabalhador Que Lê

Quem construiu a Tebas de sete portas?
Nos livros estão nomes de reis.
Arrastaram eles os blocos de pedras?
E a Babilônia várias vezes destruída -
quem a reconstruiu tantas vezes? Em que casas
da Lima dourada moravam os construtores?
Para onde foram os pedreiros, na noite em que a Muralha da China ficou pronta?
A grande Roma está cheia de arcos do triunfo.
Quem os ergueu? Sobre quem
triunfaram os Césares? A decantada Bizâncio
tinha somente palácios para seus habitantes? Mesmo na lendária Atlântida,
os que se afogavam gritavam por seus escravos
na noite em que o mar a tragou.

O jovem Alexandre conquistou a Índia.
Sozinho?
César bateu os gauleses.
Não levava sequer um cozinheiro?
Filipe da Espanha chorou quando sua Armada
naufragou. Ninguém mais chorou?
Frederico II venceu a Guerra dos Sete Anos.
Quem venceu além dele?

Cada página uma vitória.
Quem cozinhava o banquete?
A cada dez anos um grande homem.
Quem pagava a conta?
Tantas histórias.
Tantas questões.

MAIS UM AQUARIANO

Publicado por: nadioli | 25/01/2011

24 de janeiro de 2011

Olá,

Nesta semana, o “céu” faz dois anos! IPI IPI URRA!! IPI IPI URRA!!! Agradeço o carinho que tenho recebido todo este período.

Iniciamos agora uma nova etapa do ciclo solar anual pelo signo de Aquário. Aproveite a importante reflexão sobre alegria do ser feita por um aquariano: Eckart Tolle.

Também, aproveito para tratar da questão de uma possível mudança do zodíaco, assunto este com o qual estamos sendo bombardeados por toda mídia. Li textos excelentes sobre o assunto nesta semana, mas um, além de informar, me fez sorrir e por isso compartilho aqui no blog, o texto é de autoria de Nuno Michaels (sempre devemos valorizar quem nos faz sorrir). Não estranhem, o texto é escrito em português “de Portugal”.

Trago duas imagens abrindo este post que recebi por email, belas reflexões. Obrigada Mônica!

E para encerrar, com uma dica bem ao gosto aquariano, o vídeo: Vamos dar uma mão ao planeta!

Desejo uma excelente semana,

Beijos,

Nádia Oliveira


CÉU DO MOMENTO

 

No dia 20 de janeiro o Sol ingressou no signo de Aquário.

O mapa de ingresso do Sol, que traz a dinâmica do mês astrológico que se inicia, aponta para uma necessidade de modificações rápidas, como se sentíssemos que nada vai funcionar se não empreendermos muitas mudanças, mas cuidado, ainda é um momento de tomar cuidado com atitudes impensadas ou precipitadas. Além disso, prepare-se para algum tipo de retaliação ou pelo menos a oposição daqueles que não estarão muito confortáveis com suas posições.

Os enfrentamentos serão constantes, porém é o caso de ter um pouco de calma para “virar a mesa”, ou seja, os conflitos poderão ser resolvidos com negociações até bastante amigáveis.

Procure o apoio de amigos e colegas, que serão de muita utilidade nesta fase.

Aproveite boas oportunidades na área profissional. Na área afetiva, procure levar a sério seus sentimentos e das outras pessoas, falta de seriedade pode custar caro nestes dias!

O otimismo que deve cercar nossos próximos dias deve servir para nos alimentar de força e coragem. Apenas volto a salientar, que o otimismo e os objetivos finais não deixem nossos olhos cegos para a precipitação, pois a falta de planejamento pode trazer problemas concretos, já de imediato.

Boa fase para criatividade, inspiração e desenvolvimento da espiritualidade. Bem, estes assuntos, nem precisam de boa fase não acha? Sempre devem pautar nossas atividades.

 

O SIGNO DO MÊS – AQUÁRIO

 

Elemento: ar
Qualidade: fixo
Polaridade: masculino
Planeta regente: Saturno e Urano

Aquário é um signo do elemento ar de natureza criativa e mente abstrata. Normalmente tem um olhar inusitado, o que o distingue pela originalidade que sempre surpreende. Também são: inovadores e mentalmente ágeis. Possuem grande dificuldade em aceitar a situação como ela aparentemente se mostra, normalmente se tornam questionadores e opositores, por isso se diz que as rebeliões e revoluções trazem as marcas deste signo. Aquário é um signo relacionado com o novo, com o futuro e com todo tipo de modernidade e tecnologia.


Hoje é um novo dia!

Muitos vão aproveitar este dia.

Muitos viverão completamente.

Por que não você?

Enquanto navega pela vida

Não evite tempestades e águas bravias.

Apenas deixe-as passar.

Apenas navegue.

Sempre se lembre:

mares calmos não fazem bons marinheiros.


A ALEGRIA DO SER

A infelicidade, ou negativismo, é uma doença no nosso planeta. O que a poluição é no plano exterior o negativismo é no plano interior. Ele está em toda parte, e não apenas nos lugares onde as pessoas não possuem o bastante para viver. E até se acentua onde os indivíduos têm mais do que o suficiente. Isso é uma surpresa? Não. O mundo da riqueza está identificado com a forma de um modo muito mais profundo, está mais perdido no conteúdo, mais preso ao ego.

As pessoas acreditam que dependem dos eventos para serem felizes, isto é, que são dependentes da forma. Não percebem que o que acontece é a coisa mais instável do universo. Isso muda constantemente. Para elas, o momento presente encontra-se prejudicado tanto por um fato que aconteceu e que não deveria ter acontecido quanto por algo que não ocorreu, mas que deveria ocorrer. E assim perdem a perfeição mais profunda que é inerente à vida em si, aquela que está sempre aqui, que existe a despeito do que está acontecendo ou não, que está além da forma.

Portanto, aceitando o momento presente, descobrimos uma perfeição que é maior do que qualquer forma e intocada pelo tempo.

A alegria do Ser, que é a única felicidade verdadeira, não pode nos acontecer por meio de nenhum tipo de forma, bem material, realização, pessoal, fato, isto é, por intermédio de nada que ocorra. A alegria não acontece para nós – nunca. Ela emana da dimensão sem forma em nosso interior, da consciência em si, portanto é una com quem nós somos.”

Eckhart Tolle, “O despertar de uma nova consciência”

Sobre o 13º Signo

O que é que aconteceu aos promotores do 13º Signo? Tiveram azar!

Se se tivessem documentado decentemente, para fazer jus ao verdadeiro sentido de “Ciência” ou “Jornalismo”, teriam descoberto que os astrólogos ocidentais não trabalham com Constelações mas com Signos, de acordo com o Zodíaco Tropical estabelecido por Cláudio Ptolomeu no século II da nossa Era.

É um facto que o Sol atravessa, no seu percurso aparente ao redor da Terra, 13 das 24 Constelações Siderais, mas aos astrólogos ocidentais isso não interessa. Nós trabalhamos com o Zodíaco Tropical.

Para quem queira investigar o assunto, insira “Zodíaco Tropical” e “Zodíaco Sideral” no seu motor de busca favorito e em 20 minutos esclarecem as vossas dúvidas.

Para mim, mais do que mais uma tentativa infrutífera para descredibilizar a Astrologia (a quinquagésima quinta mil desde o início dos tempos), nascida do racionalismo redutor que insiste em pensá-la como uma “ciência” sem objecto “real” ou credível e não como o sistema simbólico de pensamento que é, esta onda recente trata-se mais de uma conspiração já antiga contra Escorpião J

Primeiro, roubam ao seu regente Plutão o estatuto de Planeta e transformam-no num “anão” de acordo com a terminologia politica e astronomicamente correcta; agora, querem reduzir-lhe os dias de regência, ficando apenas com meia dúzia de dias no ano… Agora, e mercê destes últimos acontecimentos, por muito paranóide que Escorpião seja, já tem mais do que motivos para acreditar que estão realmente a querer prejudicá-lo.

Sorte sorte continuam a ter os Sagitários, que continuarão a sê-lo sem precisarem de se tornarem Escorpiões… os Balanças escusam de partir a loiça, porque não serão obrigados a trabalhar como se fossem Virgens. Os Leões podem continuar a rugir acerca de si próprios e escusam de trazer a família às costas como se fossem Caranguejos… estes podem continuar a sentir profundamente a intensidade e premência das suas oscilações emocionais e não precisam comunicá-las a toda a gente como se se tivessem tornado Gémeos… Os Touros podem continuar a ser pacientes e como não se tornaram Carneiros escusam de ter pressa… os Carneiros podem continuar a pensar em si próprios como se não existisse mais ninguém no mundo – e como o fariam se se tivessem tornado Peixes?

Os Peixes podem continuar a beber para esquecer – ou à procura de Deus no fundo dos copos de absinto – porque ainda não é desta que se tornam Aquários, que bebem apenas socialmente; e parece que se safaram de se tornar Capricórnios. Continuam livres de ser quem são… por enquanto.

Sacrifício real terão de fazer os Capricórnios, que por momentos ainda pensaram que ficariam Sagitários. Continuarão Capricórnios e é dentro do escritório, e não a explorar a savana africana, que se cumprirão.

Brincadeiras à parte, convido todos aqueles – especialmente os que se assustaram com o pânico alarmista recentemente lançado por cientistas e jornalistas astrologicamente mal-informados e ignorantes – a investigar o assunto.

E se ainda se mantiverem as dúvidas, serei ao dispor para as esclarecer.

Nuno Michaels

Dá uma mão para o planeta

Publicado por: nadioli | 17/01/2011

17 de janeiro de 2011

Olá,

O Sol atravessa os últimos graus do signo de Capricórnio e aproveito para apresentar a meditação ligada a este signo, escrita por Louise Huber.

É bom sempre lembrar que o Sol em sua trajetória anual através dos doze signos do zodíaco nos possibilita um constante aprendizado em cada umas das doze moradas em que atravessa. Convido então a que você reflita sobre si mesmo, neste momento da passagem do Sol através do signo de Capricórnio.

Nesta semana, trago além das previsões semanais o ingresso de Júpiter no signo de Áries.

Beijos jupiterianos,

Nádia Oliveira


CÉU DO MOMENTO

Nesta semana o Sol atravessa os últimos graus do signo de Capricórnio e no final da semana chega em Aquário. Está bastante fortalecido pela presença do planeta Marte. O que nos deixa mais ativos e determinados.

Será mais simples focar no que se espera. Tomar decisões importantes também entrou na pauta para estes próximos dias.

Os bons aspectos do Sol com os planetas Júpiter e Urano, conferem a este período maior potencial de oportunidades e mudanças.

A semana tende a ser agitada e com muitas novidades.

Apesar destes bons aspectos nosso humor não está muito elevado, procure não se irritar por qualquer bobagem. Coisas simples podem ser resolvidas, sem que precisemos alterar nosso estado de humor. Procure manter o alto astral.

Procure explicar melhor suas intenções, pois poderá haver precipitação de análise, é preciso esforço para deixar tudo mais leve e declarado.

 

JÚPITER

“Júpiter rege o futuro e o movimento para uma mudança progressiva” – Charles Carter (Essays on the Foundations of Astrology)

Júpiter ingressa em Áries esta semana.  Júpiter ingressou no signo de Peixes em janeiro de 2010, no período de junho a setembro entrou em Áries, mas devido ao movimento retrógrado voltou a Peixes, agora no próximo dia 22 de janeiro de 2011 entra definitivamente no signo de Áries.

Sua passagem por este signo será rápida, pois nos primeiros dias de junho já estará no signo de Touro.

Devido a conjunção com Urano, podemos esperar alguns escândalos e falta de limite nesta passagem, não dá para esperar paciência e ponderação quando um planeta está de passagem pelo ativo e corajoso signo de Áries. Limites e barreiras deverão ser corajosamente quebrados. Viagens rápidas, inesperadas e pouco planejadas também poderão ocorrer.

Júpiter traz uma promessa de crescimento e expansão de nossas potencialidades, como isto se aplica ao signo de Áries, o crescimento será rápido e violento (portanto, cuidado em alguns dos pontos mais sensíveis do signo de Áries: falta de planejamento e precipitação).

Como Áries é um signo cardeal e do fogo, estaremos mais envolvidos e mais confiantes em nossa expansão, portanto a confiança natural é ampliada.

Stephen Arroyo nos aponta uma síntese da expressão de Júpiter:

A expressão positiva: fé, confiança em um poder superior ou em um plano maior, abertura da graça divina, otimismo, compreensão da necessidade de melhorar a si mesmo.

A expressão negativa: excesso de confiança, preguiça, dispersão de energia, tendência a deixar o trabalho para os outros, irresponsabilidade e inclinação a prometer demais.

Seguem algumas dicas para que você faça um melhor uso do trânsito de Júpiter através de seu mapa natal. Lembro que as dicas são gerais e uma forma de observar é através do seu ascendente:

ASCENDENTE EM ÁRIES – Júpiter estará transitando em sua Casa 1, haverá intensidade de seus deveres e responsabilidades, ampliará sua visibilidade. Desejo de melhorar a aparência, cuidado com o aumento do peso. Buscará se aprimorar e melhorar, sentirá crescer seu espírito de liderança e independência.

ASCENDENTE EM TOURO – Neste caso Júpiter estará transitando em sua Casa 12. Estará muito sensível à ação dos outros. Haverá um aumento de consciência e espiritualidade. Boa fase para mudança de hábitos e lidar de forma mais consciente com o passado. Momentos de paz e crescimento espiritual. Aumento de sua capacidade de compaixão e solidariedade. Inspiração e criatividade em alta.

ASCENDENTE EM GÊMEOS – Júpiter estará passando por sua Casa 11, novas idéias e novas experiências o aguardam. Ampliação de sua rede de amigos e contatos sociais. Boa fase para participar de atividades em grupo. Crescimento de seu espírito de liderança, condições propícias de uma maior atuação social.

ASCENDENTE EM CÂNCER – Para quem possui este ascendente Júpiter estará em um dos setores mais importantes, a Casa 10. As oportunidades profissionais devem crescer. Sua visibilidade, reconhecimento e respeito público também se encontram em expansão. Ganhará em estratégia e liderança. Aproveite com sabedoria este período.

ASCENDENTE EM LEÃO – O trânsito de Júpiter estará em sua Casa 9. Momento de aprendizagem, investir no conhecimento e na transmissão de sabedoria. Atração por viagens e assuntos ligados ao exterior. Expansão das atividades espirituais e expansão da consciência. Aumento de conhecimento e aprofundamento nos estudos. Busca de um sentido maior para sua vida.

ASCENDENTE EM VIRGEM – Júpiter passa agora pela sua Casa 8, a chamada casa das transformações. Esta passagem traz em si a capacidade de libertação e mudança de um estado. Muitas mudanças internas podem ocorrer, o que provocará várias decisões importantes em sua vida. Assuntos relacionados a finanças, heranças deverão ser resolvidos.

LIBRA NO ASCENDENTE – Júpiter estará passando pela Casa 7, Casa relacionada as parcerias e casamento.  Bom para ampliar estes dois setores, mudanças e alterações deverão ocorrer nestes setores. Os negócios estarão em evidência, deve-se cuidar com todas as relações de negócio, mas de qualquer maneira haverá uma nítida ampliação destes setores. É preciso se manter equilibrado e consciente para evitar conflitos passionais e de interesses.

ESCORPIÃO NO ASCENDENTE – Júpiter estará transitando em sua Casa 6. Dois temas principais cercam o simbolismo desse setor do mapa: saúde e ambiente de trabalho. É uma hora excelente para cuidar da saúde. No trabalho sua ação será facilmente notada. Nos dois setores, cuidado com a negligência. Favorece mudança de hábitos, procure agora os mais saudáveis e mudanças profissionais.

SAGITÁRIO NO ASCENDENTE – O trânsito de Júpiter estará em sua Casa 5. Haverá um desejo maior de correr riscos. Assuntos ligados a filhos e romances estarão em evidência. Um aumento de sua auto-estima, com dedicação maior a suas vontades e busca de mais tempo para fazer atividades que mais gosta, ou seja, estará mais preocupado consigo. O setor de romances estará bastante fortalecido.

CAPRICÓRNIO NO ASCENDENTE -  Júpiter estará passando através de sua Casa 4, casa relacionada a assuntos familiares. Aquisições ou mudanças de imóveis poderão ocorrer. Vontade de melhorar seu ambiente. Investimento maior nos assuntos pessoais e íntimos, com maior dedicação aos relacionamentos de origem familiar.

AQUÁRIO NO ASCENDENTE – O trânsito de Júpiter estará na Casa 3 do seu mapa. Aumento de suas habilidades de comunicação, aprendizado de um novo idioma, aperfeiçoamento e transmissão de conhecimento. As viagens deverão ser mais constantes. E assuntos ligados a irmãos e infância deverão crescer em importância.

PEIXES NO ASCENDENTE – Júpiter transita por sua Casa 2. Casa relacionada a finanças e valores. Se por um lado, existe a forte indicação de crescimento e prosperidade, é preciso não esquecer da recomendação de controlar os gastos, aí sim poderemos acompanhar uma melhoria da situação financeira. É preciso fazer um grande esforço para evidenciar o que é supérfluo e o que é essencial. Ótimo período para criar novos recursos que desenvolvam sua segurança financeira, mas evite os empréstimos, eles podem criar a falsa ilusão do controle financeiro.


EXERCÍCIO DE VISUALIZAÇÃO DE CAPRICÓRNIO


 

Dirijo minha atenção para o meu cérebro. Procuro pelo centro no meio de minha cabeça. Estou só dentro de mim; a quietude me envolve; tenho muito tempo.

Deixo que o ponto focal mergulhe lentamente dentro de minha cabeça, entre os maxilares, através do pescoço, para a parte superior do tronco. Aqui ele repousa e eu observo o local, ao nível do coração, para onde aponto ao dizer “EU”. Aqui eu descanso, cedendo ao meu batimento cardíaco.

Então deslizo ainda mais, o ponto focal desce do coração para a cintura e um pouco mais até o abdômen. Este é o relaxamento, criando forças para uma nova ascensão.Eu respiro tranquilamente.

Então eu ascendo novamente. Imagino um caminho montanhoso, íngreme à minha frente, o qual escalo lentamente, passo a passo. A subida é difícil e inclinada, mesmo assim eu vejo diante de mim o cume pelo qual anseio. Transponho obstáculos e rochas. Aproximo-me cada vez mais do cume. Com cuidado e persistência eu escalo a última rocha.

Assim que me encontro no cume,  sou atingido por uma luz ofuscante; meu peito se enche de alegria. Nessa solidão, divina e majestosa, erguem-se ao meu redor maciços e precipícios rochosos, geleiras banhadas pela luz do sol, brilhando em meio à luz branca no firmamento azul. Aqui, na limpidez do frio ar da montanha, encontramos apenas silêncio sublime e paz infinita. Deixo-me penetrar por esta luz ofuscante, o ar é límpido e puro e me inspira com nova vida. Olho para além dos cumes e então para baixo, para os vales da vida.

Reflito profundamente sobre a vida. Sinto um pulsar em meu coração. Surge dentro de mim um desejo intenso de descer e me unir aos Homens com Amor, contar-lhes minha experiência no cume e mostrar-lhes o caminho, para que eles também possam galgar as alturas. Então meditamos sobre o pensamento semente:

“Mergulhado em luz celestial estou, porém volto as minhas costas para essa Luz.”

Luise Huber, Signos, Zodíaco e Meditação, Ed Totalidade

Older Posts »

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.